Um Tomorrowland muito além dos palcões: 10 dicas pra assistir nos palcos menores

Foto aérea
Foto aérea

 

Aproveite toda a magia do Tomorrowland com essas 10 dicas quentes!

 

Uma das coisas mais legais de viver intensamente uma experiência de festival é poder ousar um pouco, sair da zona de conforto em que vivemos. Isso se aplica a tudo, desde a roupa que você vai usar (quem não curte um look diferentão pra essas ocasiões?) até encarar uma aventura, tipo camping, e, por que não, cometer alguns pequenos excessos (que incluem desde maratonas de dança sob o sol – nunca esqueça do protetor e de tomar água – até a ingestão de alguns drinks a mais).

Claro que tudo isso precisa vir acompanhado de aventuras também  no âmbito da música. Então a nossa dica é: por mais que você tenha já seu line-up planejado na cabeça e que ele esteja lotado de nomões famosos, se desprenda um pouco do roteiro e se jogue nos palcos menores, onde certamente atrações de menor porte vão poder pirar mais musicalmente.

Pra quem vai curtir os três dias de Tomorrowland dá tempo de fazer as duas coisas: escolha as apresentações dos seus maiores ídolos, daqueles que você adora e não pode perder, e reserve esses horários pra ir curtir com a galera. Mas ouse e vá ouvir novidades também. A gente aqui listou 10 nomes imperdíveis (e pouco conhecidos) do line-up do TML Brasil. Se joga.

Kollective Turmstrasse – A dupla de Hamburgo/Berlim Kollektiv Turmstrasse (Christian Hilscher e Nico Plagemann) é hoje uma das mais intrigrantes produtoras de techno/house de seu país. Artistas sem rótulos, que prezam pelo bom gosto acima de tudo. Palco Diynamic (sábado, 22h).

Shadow Movement – Formado pelos produtores Rafael Bartel e Raul Monteiro, o Shadow Movement lançou EP pelo selo D.O.C., de Gui Boratto, e logo viram suas produções bombando em vendas nas lojas online. O motivo? Não tem segredo. Música boa é o que eles fazem. Palco D.O.C Luv’n’Beat (sábado, 15h30).

Adriatique – Pra quem busca um som essencialmente bonito e inspirado (sem tanto ligar pra bombação) uma dica infalível é se ligar no set do Adriatique. A dupla de Zurique é formada pelos produtores Adrian Shala e Adrian Schwweizer – daí o nome do projeto. Palco Diynamic (sábado, 18h).

Loco Dice – Residente da festa Tribehouse, em Düsseldorf, o alemão Loco Dice tem influências que vão do techno ao hip hop, sonoridade que o ajudou a se transformar num dos queridinhos de Ibiza. Seu som é sempre atual e um tanto fora da caixinha. Palco Warung (quinta, 21h).

Davis – Um dos principais nomes da cena de festas de São Paulo, Davis atualmente se divide entre sua label party ODD, seus sets pelo mundo e a sua
banda, The Drone Lovers. Busca um som fino? Achou. Palco Diynamic (sábado, 13h).

Anna – A DJ Anna saiu do interior de São Paulo para arrebentar no mundo. Morando em Barcelona, suas produções estão bombando nos charts de techno de sites como o Beatport. Um talento que precisa ser ouvido e reconhecido. Palco Diynamic (sábado, 14h).

L_cio – Laércio Schwantes foi o nome mais falado no meio underground em 2015, o que lhe rendeu o prêmio de melhor produtor pela Rio Music Conference. Talentoso e inspirado, L_cio vive um grande  Palco D.O.C Luv’n’Beat (sábado, 18h).

Andrezz & L-Side – Dupla de drum’n’bass de Mauá que vem fazendo um trabalho incrível, tocando nas minhas festas do DJ Marky no Lab Club e já com contrato assinado com o selo inglês V Recordings. Toca no palco Marky & Friends (sábado, 13h).

O.S.H – Desde 2006, H.O.S.H é um dos nomes que ajudaram a espalhar a boa fama da gravadora Diynamic (ao lado do colega de longa data e dono do selo, Solomun). Palco Diynamic (sábado, 20h).

Renato Ratier – Dono do clube D-Edge e sócio do Warung, entre outros tantos negócios no universo da música, Renato Ratier é um DJ de extremo bom gosto e que desenvolveu ao longo dos anos um apuro especial por longas mixagens. Som pra curtir sem necessariamente bombar. Palco Warung (quinta, às 16h).

 

Por: Claudia Assef de JovemPan FM

Deixar uma Resposta

© 2019 Rádio Atual